Cantor e compositor cataguasense lança seu primeiro CD

Cantor e compositor cataguasense lança seu primeiro CD

Chega nesta quarta-feira, 10 de julho, em todas as plataformas digitais o primeiro CD do cantor e compositor cataguasense, Murilo Abrita. Intitulado “Outros Olhares”, nome de umas das canções do álbum, também está sendo lançado o videoclip desta canção dirigido por Rafael Aguiar, diretor e fotógrafo de Cataguases, atualmente radicado no Rio de Janeiro.

São sete faixas que foram concebidas por Murilo entre 2017 e 2019. “Este trabalho nasceu da vontade de me mostrar pro mundo, de externar tudo aquilo que passei e que passou por mim nos meus primeiros 20 anos de vida”, explica com o carinho de quem acabar de dar à luz ao seu primeiro filho. Sobre as canções do CD ele define: “falam sobre o cotidiano, amadurecimento, amor e vivência, tudo numa roupagem que flerta com a MPB até o Indie.”

O álbum possui sete faixas, todas de autoria de Murilo Abrita, um músico talentoso e que está sempre se apresentando nas noites da cidade e região. O CD nos apresenta o compositor Murilo Abrita, que poucos conhecem, e que se revela cuidadoso no trato com as palavras e sensível para expressar seus sentimentos. Além de corajoso, afinal, não é fácil encarar o mundo com um trabalho de estreia somente autoral. Mas, destemido que é, arriscou e se deu bem.

As canções são: Retrato de Meio Tempo, Moça, Menino Passarinho, A Menina e a Flor, Outros Olhares (que já ganhou um videoclipe que pode ser visto acessado aqui), Canção Para Amar Depressa e fechando o álbum, 23. Todo o trabalho de gravação foi feito em Cataguases no Performance Studio, por Warney Romanhol, que também produziu o CD junto com Murilo, a partir de 2017. A mixagem também é de Warney, e a masterização de Nando Costa, um dos maiores nomes do áudio brasileiro, que já trabalhou com Emerson Nogueira, entre outros. Para ouvir estas canções é só ir em uma dessas plataformas, como Spotify, iTunes, Deezer, Youtube, entre outras e buscar pelo nome do artista ou da música.

Uma banda de gente não menos talentosa entrou em estúdio para gravar as setes faixas que foi formada pelo próprio Murilo Abrita (violão de aço, violão de náilon e vocal); Guilherme Quirino (Guitarra) e Antônio Gabriel Kid (Bateria e cajon na canção 23). Murilo também contou com músicos convidados neste seu primeiro trabalho. Danielle Moura fez o vocal de apoio em “Menino Passarinho” e dividiu o vocal principal em “Canção Para Amar Depressa”. Nando Vasconcelos fez a Percussão em “A Menina e a Flor” e em “Menino Passarinho”. Já Marcos Alves tocou Escaleta em “A Menina e a Flor”. O CD, revela Murilo, será distribuído virtualmente pela OneRPM e chega nesta quarta, 10, em todas as plataformas digitais. O link da playlists do CD no Youtube está aqui.

O clipe da faixa título “Outros Olhares”, informa Murilo, foi gravado no Rio de Janeiro por Rafael Aguiar tendo como convidados Alexandre Elmais, Diego Rui Barbosa, Hagda Oliveira, Joanna Martins e do próprio Murilo Abrita. Também participaram artistas da cidade, como Cia. Nós em Dois, Salah Salazar e Jasmin Labambolistica.

Sobre Murilo Abrita
A música entrou na vida de Murilo desde muito cedo, conforme ele conta. “Me interesso por música desde criança. Me lembro que me aventurava cantar em festas de família, até que aos 12 anos participei pela primeira vez do Fest Vida (evento musical promovido pela prefeitura de Cataguases junto as escolas do município) com uma canção autoral e fiquei em segundo lugar na minha categoria. Em 2010 voltei a participar daquele evento e consegui o primeiro lugar”, conta.

Ele não desistiu do Fest Vida e nas edições de 2013 e 2014 foi agraciado com o título de melhor letra e melhor música. A partir daí ele teve certeza de que queria dedicar-se à música de maneira profissional e em 2015, começou a tocar em bares em Cataguases e na região, fazendo, ora o famoso e sempre presente “voz e violão”, ou tocando em banda, tendo ao lado os amigos Guilherme Quirino e Antônio Gabriel Kid.

Daqui para frente Murilo espera que seu primeiro trabalho seja bem recebido pelo público e quer fazer vários shows levando para o público suas canções. Além disso, gravar novas canções autorais seja como singles ou mesmo em álbuns, são algumas de suas metas, solidificando cada vez mais sua carreira que está apenas começando e tem muita coisa boa para vir no futuro. “A ideia é mostrar minhas canções para um público cada vez maior”, prevê Murilo.

Fotos: Rafael Aguiar com edição de Gustavo Baldez