Em 09/08/2018 às 20h00

Bombeiros procuram por vítimas em carreta que pegou fogo em Juiz de Fora

Pelo menos duas explosões foram ouvidas no local do acidente

Pelo menos duas explosões foram ouvidas no local do acidente

Download
A explosão de uma carreta, na rodovia BR-267, na altura da Usina de Marmelos, no Bairro Retiro, em Juiz de Fora (115 km de Cataguases), mantém o trecho interditado, nas duas vias. De acordo com o informações do Corpo de Bombeiros, a corporação recebeu a chamada a respeito do acidente por volta das 8h30 desta quinta-feira, 9 de agosto. O veículo bitrem, com placa de Duque de Caxias (RJ), tombou no km 93 e pegou fogo. A carreta estaria transportando etanol. Até o fechamento desta edição ainda não havia confirmação sobre vítimas.

imageSegundo o tenente do Corpo de Bombeiros Rogério Pereira, até por volta das 15h, era aguardado um guincho de grande porte para virar o veículo. "Só assim teremos condições de ter acesso à cabine da carreta e constatar o que houve de fato. Se há uma pessoa ou duas", informou o militar.

Segundo ele, não há previsão de tempo para que esse trabalho seja concluído. "Só sabemos que vai demorar. Em outros acidentes desse porte a conclusão durou três dias."
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Conforme a corporação, o caminhão-tanque tombou e pegou fogo. No início da ocorrência, quando o Corpo de Bombeiros chegou ao local, não houve como os militares terem acesso ao caminhão devido à altura das chamas. Foram deslocados para o combate às chamas seis viaturas e 20 militares. Houve ainda apoio de caminhão-tanque da Cesama com capacidade de para 11 mil litros de água e também do caminhão-tanque do Exército. Todavia, o Corpo de Bombeiros ainda não divulgou quantos litros de água, no total, foram utilizados para debelar o fogo.

Pelo menos duas explosões foram registradas. A perícia técnica da Polícia Civil esteve no trecho a fim de levantar dados do local. O Núcleo de Emergências Ambientais (NEA), da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Semad), também foi acionado. O objetivo é avaliar se parte do combustível pode ter caído no Rio Paraibuna. A carreta estava carregada com 46 mil litros de combustível. Deste total, dez ainda estariam armazenados em um tanque. (Fotos: Leonardo Costa/Leitores do Site)

image

image

image

Fonte: Tribuna de Minas

Tags: bombeiros, carreta, acidente, incêndio, fogo





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: