Em 07/08/2018 às 20h00

Renzo Braz cede a Rodrigo Pacheco vaga para disputa ao Senado

Renzo Braz anuncia que não vai disputar o Senado deixando a vaga para Rodrigo Pacheco

Renzo Braz anuncia que não vai disputar o Senado deixando a vaga para Rodrigo Pacheco

Download
O presidente estadual do Partido Progressista (PP), deputado federal, Renzo Braz, de Muriaé, não vai mais disputar uma vaga ao Senado Federal nas Eleições 2018. Ele abriu mão da disputa para o seu colega de partido, Rodrigo Pacheco, que inicialmente iria concorrer ao Governo de Minas, uma vez que o Diretório Nacional do PP definiu apoio ao PSDB. Assim, em Minas Gerais, o candidato a governador a ser apoiado pelo PP é Antônio Anastasia. O comunicado foi feito nesta noite de segunda-feira, 06 de agosto.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Em Nota divulgada à imprensa o PP disse que a mesma conduta adotou o Democratas  "e a sigla também abriu mão de uma candidatura própria para apoiar Antônio Anastasia. Dessa forma, definiu-se que Rodrigo Pacheco (DEM) será candidato ao Senado pela chapa de Antônio Anastasia e Renzo Braz será seu primeiro suplente", revela o texto assinado pelo próprio Renzo. O mesmo comunicado justifica a mudança de posição do Partido Progressista em função da "busca do resgate da confiança e da prosperidade brasileiras (...) por acreditar que isso beneficiará o estado de Minas Gerais", finaliza. (Foto: Silvan Alves)

Fonte: Site Silvan Alves

Tags: senado, eleição, Renzo Braz, coligação





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: